Anistia a Policiais e Bombeiros

Todo ser humano possui o direito à liberdade de expressão, e são ainda mais dignos esses direitos quando colocam em cheque a nossa humanidade.

Os baixos salários, o aumento significativo da criminalidade, o rigoroso código de ética resultaram no estresse e esgotamento dessa categoria tão importante para o bem estar de toda população.

Para garantir o direito de reivindicar melhorias, dia 9 de julho de 2013, aprovamos em plenário o Projeto de Lei 2791/11, de minha autoria, que concede anistia a policiais e bombeiros militares punidos por participar de movimentos reivindicatórios. A matéria, aprovada na forma do substitutivo da Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado, ainda será enviada ao Senado.

À época, o PL também contou com as assinaturas dos nobres colegas deputados maranhenses Domingos Dutra, Waldir Maranhão e os ex-deputados Edivaldo Holanda Junior (prefeito de São Luís) e Ribamar Alves (prefeito de Santa Inês).

De acordo com o substitutivo serão beneficiados os policiais e bombeiros dos estados de Alagoas, Bahia, Ceará, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Minas Gerais, Paraíba, Piauí, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rondônia, Roraima, Santa Catarina, Sergipe e Tocantins, além do Distrito Federal.

Foi uma vitória da democracia, pois conseguimos garantir aos nossos militares que eles não sejam mais punidos pela realização dos movimentos por melhores condições de trabalhos ocorridos em 2011. Precisamos ainda votar a PEC 300/08 que estabelece o piso de toda categoria, equiparado ao policial do Distrito Federal, que valoriza toda a classe policial.

E a luta não para por aí. Temos denúncias de que, por exemplo, algumas armas, como fuzis, são da época da 2ª Guerra Mundial, a carga horária semanal da categoria, às vezes, pode chegar até a 54 horas, os trailers não possuem estrutura para funcionar onde os policiais, vexatoriamente, precisam urinar em garrafas pet.

Contem comigo para lutar pela valorização da classe e para exigirmos melhores condições de trabalho.

Juntos somos fortes.

*Weverton Rocha é administrador e deputado federal.