Hoje quero falar de esperança. Esperança que vem da possibilidade de vacinação contra o novo coronavírus, da enorme capacidade de se reinventar do brasileiro, da força da união que podemos ter, se realmente quisermos superar os grandes desafios que temos pela frente.

Não estou falando de uma esperança passiva, de quem espera acontecer apenas com a força do pensamento. Falo da esperança confiante de todos nós que estamos de mangas arregaçadas para trabalhar e mudar a realidade para melhor.

Sim, o ano de 2020 foi duro e não será a simples virada de calendário que vai mudar isso. Chegamos ao final de dezembro com um recorde de desemprego, uma nova escalada de contaminação pela Covid-19, inflação batendo à nossa porta e o fim do decreto de calamidade que ajudou a acomodar as coisas durante todo o ano. Em janeiro, tudo isso ainda estará por aqui. Reconhecer os problemas é um passo para resolvê-los.

Mas não estamos parados. E 2020 também foi um ano em que houve muito esforço coletivo para o bem comum. Um ano em que a maioria saiu da sua zona de conforto para adotar o hábito de usar máscaras para se proteger e proteger os outros, em que cientistas do mundo inteiro cooperaram entre si, na troca de conhecimento para criar vacinas e tratar um vírus desconhecido, que homens públicos de diferentes correntes políticas entraram em consenso em busca de soluções para os problemas de todos.

Não há um lado bom em tudo isso que passamos. Mas há lições a serem aprendidas. E uma delas é a de que toda solução coletiva é sempre mais eficiente. Quando nos juntamos, conseguimos resultados melhores. E ver que também houve soluções nos anima para continuar lutando.

Um estímulo necessário para que transformemos essa esperança que nos invade nesse final de ano em capacidade de criar respostas às dificuldades que nos aguardam em 2021.

Faço aqui o meu tributo aos milhares de brasileiras e brasileiras que perderam a vida neste ano, ofereço minha solidariedade às famílias que sofreram essa terrível perda e reconheço a infinita misericórdia e bondade de Deus para com todos nós que tivemos a graça de chegar bem até aqui.

Em agradecimento, reitero meu compromisso de trabalhar todos os dias para para transformar boas expectativas em boas realidades.

Que em 2021 a chama da nossa esperança se mantenha acesa com o fogo do nosso trabalho!

Senador Weverton, líder do PDT no Senado