O presidente do Hospital de Amor, Henrique Prata, o senador Weverton e o prefeito de Imperatriz, Assis Ramos, visitaram nesta sexta-feira (26) um terreno de 16 mil metros quadrados na avenida principal do bairro Jardim das Oliveiras, onde deverá ser construída a unidade de prevenção de câncer do Hospital de Amor do Sul do Maranhão. A doação do terreno, próximo ao Hospital Macrorregional de Imperatriz, será votada pela Câmara de Vereadores na próxima semana.

Segundo o senador Weverton, os recursos para a construção da unidade, que deverá ser entregue em cerca de 12 meses, já estão garantidos. Também participaram da visita o secretário estadual de Desenvolvimento Social, Márcio Honaiser, e vereadores da cidade.

O hospital de Imperatriz será uma das unidades do Hospital de Amor (antigo Hospital de Câncer de Barretos) e fará o atendimento de prevenção ao câncer em mulheres, beneficiando os 42 municípios da macrorregional, por meio da unidade fixa e de duas carretas que farão atendimento móvel.

“Hoje é um dos dias mais felizes do nosso mandato. O hospital tem uma luta fantástica no combate ao câncer. É a união de todos a favor da vida”, declarou Weverton.

“É um grande prazer ter um hospital aqui nessa nova empreitada. Parabenizo o senador Weverton pela iniciativa. Aqui neste terreno, nós teremos o prédio, que será composto por unidades que irão fazer prevenção de câncer de mama, câncer de colo do útero para as mulheres de Imperatriz e todo o entorno da cidade. Com isso, nós tentaremos mudar a história do câncer aqui na região. Vamos levar prevenção e cura da doença”, explicou Henrique Prata.

A implantação do Hospital de Amor do Sul do Maranhão foi acertada pelo senador com a diretoria da entidade e tem o apoio da prefeitura de Imperatriz, que doará o terreno.
“Eu agradeço o senador Weverton e o Henrique Prata pela iniciativa. Uma conquista muito importante para a nossa cidade, graças ao empenho do Senado e da Assembleia Legislativa. Agora, vamos aguardar o início da obra. Quem ganha é a população de Imperatriz e da região tocantina”, disse o prefeito do município, Assis Ramos.

Carreta escola

A prevenção de câncer em mulheres contará com o reforço da carreta escola, que atua na conscientização da população sobre a importância da prevenção e do autocuidado para reduzir a incidência de casos fatais.

“É uma unidade móvel com toda a tecnologia que passa nas escolas ensinando crianças de 9 a 13 anos a se transformarem em pequenos agentes comunitários. Essa criança vai chegar em casa e vai informar mãe, tia e avó sobre a importância da prevenção”, explicou Henrique Prata.

Sobre o Hospital de Amor:

Excelência em oncologia, o Hospital de Amor fechou o ano de 2020 com 1.047.440 atendimentos realizados a 224.883 pacientes de 2.335 municípios de todos os estados do país – um recorde de cobertura.

Foram realizadas 24.351 internações, 252.544 quimioterapias, 9.500 refeições servidas por dia, 100% de forma gratuita.