Weverton destaca a importância de parcerias em favor da agricultura familiar

O deputado federal Weverton falou, nesta terça-feira (20), sobre a importância de se estabelecer parcerias com a Federação dos Trabalhadores da Agricultura do Estado do Maranhão (Fetaema), que lhes possibilite prestar assistência aos sindicatos rurais. “Temos pautado nosso mandato justamente em defesa da agricultura familiar e dos nossos trabalhadores rurais, que sofreram muito nessa legislatura com perda de direitos, com ataques frontais às conquistas que tiveram nos últimos anos”, disse o parlamentar durante reunião do Conselho Deliberativo da entidade de classe, em São Luís, quando foi assinado convênio no valor de R$ 8 milhões entre a Fetaema e o Governo do Maranhão.

Segundo Weverton, é preciso lembrar o que está acontecendo no Brasil e no estado. “Nós fazemos parte de uma frente, que liderada pelo governador Flávio Dino, no momento em que o país passa pela crise mais difícil, tem orgulho de dizer que no Maranhão, mesmo sendo um estado pobre, tem trabalhado de maneira intersetorial, levando políticas como Escola Digna, Rua Digna, programas de fomento à agricultura familiar e de atenção básica à saúde, abrindo hospitais e dando assistência a quem tanto precisa”, pontuou o deputado.

Além da cooperação técnica, o convênio prevê a liberação de recursos para os agricultores familiares de todo o estado, beneficiando mais de 2.000 famílias de trabalhadores e trabalhadoras em todo o estado. “Nós temos uma política de apoio à agricultura familiar e hoje damos mais um passo, que é esse termo de cooperação que vai ampliar a assistência técnica aos trabalhadores rurais, visando aumentar a produtividade no setor e melhorar a qualidade de vida deles”, destacou o governador Flávio Dino.

Para o presidente da Fetaema, Chico Miguel, desde a eleição do governador, o Maranhão está se transformando em um celeiro agrícola e a com a assinatura deste termo os trabalhadores rurais só têm a ganhar. “Eu sei que o senhor já fez muito e tem muito mais para fazer. E este povo, está junto do senhor para continuar esta transformação no Maranhão, mas é preciso aprofundar uma coisa importante, que é na questão da reforma agrária, no que trata da regularização fundiária nas terras públicas do estado”, observou o sindicalista.