Um Pacto por São Luís.

Em meio aos protestos por melhorias em geral nos serviços públicos, a presidenta da república deu o passo inicial nas tratativas entre os poderes para que um novo caminho comece a se desenhar para o nosso país. Aqui em São Luís, os protestos também tiveram resultados práticos.

Para mim o maior de todos até agora é a atitude da governadora do estado que estabeleceu contato com prefeito.

O contato feito pela governadora foi respondido de pronto pelo prefeito, e o que se propõe é que o esforço conjunto atenda ao clamor popular e haja investimentos maciços em saúde, educação e mobilidade urbana. Ainda ontem tive a oportunidade de externar minha alegria no grande expediente da Câmara dos Deputados ao ver os governos estaduais e municipais agindo em prol da população.

É preciso que tenhamos as obras estruturantes da União entregues, como a Avenida Quarto Centenário, obra do PAC, que atende Camboa e Liberdade e vai desafogar o fluxo de carros que seguem ao centro de São Luís. Outra parceria com o governo Dilma é a duplicação da BR 135. Temos que ir além.

Já disse e repito que sonho com a duplicação do trecho entre São Luís e Teresina.

O governo do estado também pode contribuir nas melhorias das MAs que ligam São Luís a Ribamar, Paço do Lumiar e à Raposa. Na continuação da Avenida Litorânea, que como bem lembrou o colega deputado Costa Ferreira, funcionará como uma espécie de Rodoanel, dando a possibilidade de circular toda a ilha de São Luís.

Passaram-se seis meses da Gestão Edivaldo Holanda Junior e muito tem sido feito.

Inicialmente os ajustes administrativos, como a quitação do salário do funcionalismo que ficara atrasado um mês na gestão passada. Além disso, já foram entregues mais de 6.000 casas no projeto Minha Casa, Minha Vida. O Portal da Transparência já está funcionando, serão construídas creches, um grande investimento na substituição da manta asfáltica, a construção de um novo Hospital e muito mais.

Indico que todos os prefeitos, vereadores e gestores, independente do grupo político em que estejam alinhados, visitem o site da Secretaria de Relações Institucionais e conheçam o programa ODM (Objetivos Desenvolvimento do Milênio), onde constam os índices (IDH, Ideb por exemplo) de cada município brasileiro e está sendo criada uma agenda positiva para o enfrentamento desses desafios.

Esse não é o momento de disputas partidárias, é o momento de mostrar à população, vontade política para reverter a situação difícil que nossa cidade se encontra.

Juntos somos fortes.
*Weverton Rocha é administrador e deputado federal (PDT-MA)