Partidos de centro-esquerda lançam movimento pela democracia

Cinco partidos de centro-esquerda e esquerda se reuniram nesta terça-feira à noite, na sede do PSB Nacional, em Brasília, para conversar sobre o futuro do Brasil. PSB, PDT, PT, PCdoB e PSOL decidiram lançar um movimento em defesa da democracia, da Constituição e do povo brasileiro.

Participaram do encontro os presidentes do PSB, Carlos Siqueira; do PDT, Carlos Lupi; do PT, deputada Gleisi Hoffmann; do PSOL, Juliano Medeiros; e do PCdoB, deputada Luciana Santos; o líder da Minoria, deputado Weverton (PDT); da Oposição, deputado José Guimarães (PT); o líder da bancada do PSB na Câmara, deputado Júlio Delgado; e o líder do Bloco Parlamentar da Resistência Democrática no Senado, senador Lindberg Farias.

Uma carta-manifesto, assinada por todos os que estiveram no encontro, deve ser lançada nos próximos dias, defendendo o respeito à democracia como única solução política para o País e criticando os movimentos fascistas que pregam a violência e a intolerância na política.

O líder da Minoria na Câmara, deputado Weverton (PDT), explicou que a reunião foi uma conversa sobre o País e sobre o fortalecimento de um projeto de desenvolvimento com justiça social. “Todos os cinco partidos têm candidatos próprios, mas entendemos que, para além dos pensamentos divergentes, existe uma certeza em comum, a de que o mais importante é o bem do Brasil e do povo brasileiro”, afirmou.