Justa homenagem, diz Weverton sobre título dado a Cleide Coutinho

O presidente estadual do Partido Democrático Trabalhista (PDT), deputado federal Weverton, disse nesta quinta-feira (15), em São Luís, que a concessão do título de cidadã maranhense à ex-deputada estadual Cleide Coutinho é uma justa homenagem. “Sem dúvida, a dra. Cleide Coutinho não é apenas a viúva do dr. Humberto Coutinho. É uma referência neste parlamento, uma deputada que deixou a sua marca depois de dois mandatos como deputada estadual”, disse o deputado na sessão de entrega do título a Cleide Coutinho pela Assembléia Legislativa do Maranhão.

O título foi proposto pelo deputado Roberto Costa (MDB) e aprovada por unanimidade pelos deputados estaduais. A homenagem foi um reconhecimento aos quase 50 anos de serviços prestados em prol do Maranhão, especialmente à população de Caxias.

Segundo Weverton, como médica, mãe de família, esposa de Humberto e leal ao grupo que ela faz parte, comandado pelo governador Flávio Dino, Cleide Coutinho é digna de orgulho. “E agora, como presidente do PDT de Caxias e candidata a deputada estadual, vai abrilhantar ainda mais esta Casa na próxima legislatura, que se inicia em fevereiro do ano que vem”, afirmou o parlamentar.

Cleide Coutinho é natural de Maruim, no estado de Sergipe e se radicou no Maranhão no início da década de 70, quando chegou a Caxias, recém formada em medicina e casada com o também médico, Humberto Coutinho. Exerceu por duas vezes o mandato de deputada estadual – em 2006 e em 2010 e assumiu a presidência municipal do PDT de Caxias, em substituição ao ex-deputado Humberto Coutinho.