Deputado Weverton volta a defender a Petrobras em audiência pública da Comissão Especial

347

O líder do PDT na Câmara Federal, deputado Weverton Rocha, participou nesta terça-feira, 17, de uma nova audiência pública da Comissão Especial da Petrobras e Exploração do Pré-Sal para discutir o projeto que retira da estatal a obrigatoriedade de participar da extração de petróleo da camada do pré-sal.

pre_sal 01O projeto em análise na comissão (PL 4567/16), de autoria do senador José Serra, além de acabar com a exclusividade, desobriga a estatal de participar com pelo menos 30% dos investimentos em todos os consórcios de exploração da camada.

Na ocasião, o deputado Weverton reafirmou a posição contrária ao PL 4576 e defendeu a permanência da Petrobras como única exploradora na área do pré-sal.
“O PDT vai lutar frontalmente contra o desmonte da Petrobras, o regime de partilha do pré-sal e outras medidas que visam fragilizar o controle do povo brasileiro em uma das nossas maiores riquezas minerais. Entregar as reservas do pré-sal para empresas estrangeiras encontra-se na contramão do que ocorre no mundo”, destacou o deputado Weverton.

Na oportunidade, Weverton também ressaltou a necessidade de envolvimento da população na discussão. “A sociedade precisa discutir o projeto independentemente de cor partidária. Governos virão e a Petrobras ficará. Não somos contrários a entrada de mercados estrangeiros, mas desde que venham sob fiscalização do Estado brasileiro”, ressaltou o deputado Weverton.

Também participaram do debate, o conselheiro do Clube de Engenharia do Rio de Janeiro, Paulo Cesar Smith Metri, e o diretor geral da Organização Nacional da Indústria do Petróleo (Onip), Eloi Fernández, que enalteceram as potencialidades da Petrobrás e a riqueza do pré-sal brasileiro.